A Superstição no Teatro Ministerial

Hoje em dia em algumas congregações, caso isolado é a pessoa que estando envolvida no ministério teatral, nunca ouviu algo do tipo:

“-Se você não estiver bem com Deus e for interpretar um ladrão, você poderá se tornar um...”.

O ser humano tende a mistificar além da conta algumas coisas, um exemplo disso são outras lendas que também acreditavam que, do madeiro da árvore do conhecimento do Paraíso foi construída a cruz de Cristo; no Gólgota. A cruz de Cristo para alguns deles na idade média teria sido erguida no cepo da árvore do conhecimento (HEINZ-MOHR: 1994, p. 35).


A qual importância para o assunto este fato antigo nos remete? Remete-nos ao ponto de que precisamos buscar na única regra de fé e prática, a Bíblia, respaldo para certas indagações ou doutrinas.

Este tipo de crença ou indagação trata-se, pois de um misticismo inconseqüente, que pode até prejudicar o desempenho ministerial de um grupo, deixando-o perdido doutrinariamente. Pois sabemos que a palavra de Deus está aí para desmistificar e trazer certezas de base na Fé. As afirmações acima não possuem um respaldo Bíblico.

Leiamos:

No livro de Tiago capítulo 1:
14 Ao contrário, cada um é tentado pela sua própria cobiça, quando esta o atrai e seduz.
15 Então, a cobiça, depois de haver concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, uma vez consumado, gera a morte.

Podemos ler o que Tiago diz, e deduzir claramente: o pecado gera a morte. Somente a distância de Deus pode tornar o homem um homem mau, somente a mudança de ideais e de metas de um homem pode direcionar a vida dele mesmo corretamente ou não. Temos casos de pessoas que passaram por situações semelhantes na sua caminhada, ou vivenciaram isso em sua igreja, gostaria de aproveitar e esclarecer o assunto para estas. Tenho certeza que Deus deixou bem claro para todos nós que o teatro em si, e o papel do ator em uma peça não têm nada de responsável pelo destino da vida espiritual deste ator, pois só alguém que decide pecar tendo uma vida independente de Deus pode sofrer suas conseqüências.

Nunca alguém sofrerá conseqüências por interpretar um personagem maligno em uma peça, alguém que se desvia da verdade do evangelho, o faz por decisão consciente, mesmo sobre influência maligna. Apenas o pecado pode gerar a morte, exercer o ministério teatral é se dispor a passar uma mensagem em conjunto, como personagem de uma parábola, se você pratica a verdade, como João diz no versículo a seguir, você pode interpretar qualquer personagem em qualquer época da sua vida.

No evangelho de João capitulo 12:
24 Em verdade, em verdade vos digo: se o grão de trigo, caindo na terra, não morrer, fica ele só; mas, se morrer, produz muito fruto.
25 Quem ama a sua vida perde-a; mas aquele que odeia a sua vida neste mundo preservá-la-á para a vida eterna.
26 Se alguém me serve, siga-me, e, onde eu estou, ali estará também o meu servo. E, se alguém me servir, o Pai o honrará.


Hoheckel Filho

Nenhum comentário: